www.neuroconecta.com.br

Conhecendo o VB-MAPP

O Verbal Behavior Milestones Assesment and Placement Program (VB-MAPP) é um protocolo de avaliação usado dentro da análise de comportamento aplicada – Terapia ABA, e visa identificar e avaliar as habilidades de linguagem. Em português significa “Programa de Avaliação e Colocação de Marcos do Comportamento Verbal”, na tradução livre.

O criador do protocolo sugere que a linguagem é um comportamento aprendido.  Por isso, o VB-MAPP é uma avaliação realizada com base em critérios de desenvolvimento típicos da linguagem e interação social.

O VB-MAPP costuma ser aplicado em alunos que apresentam distúrbio de desenvolvimento e possuem dificuldade na linguagem. Pode ser considerada uma ferramenta que mede pontos fortes e fracos em vários marcos do desenvolvimento, particularmente em linguagem e dificuldades em adquirir habilidades.

Além disso, fornece uma extensa lista de verificação para acompanhar o progresso da pessoa ao longo do tempo.

Há cinco componentes do VB-MAPP que fornecem um nível de base de desempenho, uma direção para a intervenção, um sistema de rastreamento e aquisição de habilidades, uma ferramenta para medidas de resultados, outros projetos de investigação da linguagem e uma estrutura para planejamento curricular.

Cada parte do VB-MAPP fornece à equipe da ABA informações importantes que serão usadas no desenvolvimento do programa de tratamento do autista. Ele é organizado por marcos que são usados para avaliar e acompanhar o progresso ao longo do tempo.

Os resultados da avaliação ajudam a priorizar as necessidades de intervenção, fornecer um feedback aos pais e outros profissionais, orientar o planejamento do currículo e acompanhar a aquisição de habilidades.

Níveis de avaliação

A avaliação dos marcos é dividida em três níveis de desenvolvimento (0 a 18 meses, 18 a 30 meses e 30 a 48 meses), com base na obtenção de marcos no desenvolvimento de crianças em desenvolvimento típico.

O nível 1 da avaliação inclui as habilidades precoces, o tato, a habilidade de ouvir, social, visual-perceptivo, imitação motora e comportamento vocal espontâneo.

O nível 2 da avaliação inclui avaliação contínua das habilidades expandidas de nível 1 (com exceção do comportamento vocal espontâneo), bem como uma avaliação do ouvinte respondendo por função, recurso e classe, intraverbais, rotinas de sala de aula e grupo e habilidades linguísticas.

O nível 3 expande as habilidades direcionadas no nível 2 e avalia comportamentos pré-acadêmicos em leitura, matemática e redação.

Avaliação de barreiras

Um dos componentes do VB-MAPP é a avaliação de barreiras. Observa-se o que pode estar prejudicando o desenvolvimento da criança e se há alguma barreira de aprendizagem.

É possível identificar todas as áreas que podem fazer com que o autista não tenha sucesso no desenvolvimento de seu repertório verbal. Nas avaliações de barreiras desenvolve-se uma lista de 0 a 4 para cada barreira e assim determina-se em qual nível a criança está.

Ao reconhecer as barreiras, o terapeuta ABA poderá criar um programa adequado para ajustar qualquer comportamento. São 24 barreiras identificadas, entre elas destacam-se:

– comportamentosnegativos como choramingar ou ser agressivo;

– dificuldade para dizer o que quer;

– erros de sintaxe;

– imitação motora ausente ou fraca;

não consegue repetir;

habilidades perceptivas visuais ausentes ou fracas;

não respondeperguntas ou responde incorretamente;

– comporta-se de maneira inadequada para a idade;

– comportamento obsessivo-compulsivo;

hiperatividade;

-dificuldade em fazer contato visual ou prestar atenção nas pessoas;

– sensibilidade a sons e texturas.

Avaliação de transição e Task Analysis

Outro componente do VB-MAPP é a avaliação de transição. Ele ocorre quando a criança sai do ensino especial e segue para o regular. A equipe consegue definir qual será o formato educacional mais indicada para cada pessoa, considerando o ambiente e limitações individuais.

A avaliação de transição VB-MAPP possui 18 áreas de avaliação. Ela pode ajudar a identificar se uma criança está fazendo um progresso significativo e adquiriu as habilidades necessárias para aprender em um ambiente educacional.

Incluem-se na avaliação os comportamentos negativos, rotinas de sala de aula e habilidades de grupo, sociais, independência acadêmica, aprendizado no ambiente natural, adaptação em mudanças, espontaneidade e até mesmo habilidades de higiene e alimentação.

Já o Task Analysis ou análise de tarefas e rastreamento de habilidades é um componente que divide uma habilidade maior em pequenas tarefas para chegar a um objetivo.

Há uma lista de verificação de habilidades que apoiam os marcos do desenvolvimento e podem ser usadas para atividades curriculares diárias e rastreamento de habilidades. Existem aproximadamente 900 habilidades apresentadas e cada uma delas desempenha um papel importante para cada criança.

Referências

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4883535/

VB-MAPP

Posts Relacionados